Notícias Publicado em 21/01/2016 Às 6:21 AM
Charlie Cox diz que rolará TRETA se Marvel decidir por mudar Demolidor em “Guerra Infinita”
Redação

Depois de uma fantástica e eletrizante primeira temporada, os fãs de Demolidor do Netflix, mal aguentam esperar para que a segunda e nova temporada seja liberada no site. Do outro lado, a Marvel tem um planejamento amplo de estreias cinematográficas, isso nos fazer pensar na possibilidade de uma ponte entre as realidades da televisão e do cinema com “Os Vingadores: Guerra Infinita”, que dizem as notícias irá estrelar 67 personagens conhecidos em tela. Mas as noticias não são animadoras, nem mesmo o ator Charlie Cox, que interpreta o herói na série, tem muita esperança que esteja a salvo de ser substituído por outro ator no longa.

» Siga o MOVIER no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

“A Marvel TV e os Estúdios Marvel são duas coisas completamente diferentes. Portanto, se um personagem necessita aparecer no filme, isso não necessariamente significa que EU tenho que aparecer naquele filme. Porém, eu vou comprar uma briga com o cara que eles escolherem” brinca o ator.

Dado os comentários de Charlie, há indícios que levam a crer que os Estúdios Marvel possam estar mesmo interessados em outro ator para viver o personagem em “Guerra Infinita”, estratégia essa que é confusa, tendo em vista no exorbitante sucesso alcançado pelo seriado, grande parte dada a atuação de Charlie Cox, que é também famoso por ter interpretado Tristan Thorne em Stardust de Matthew Vaughn.

A verdade é que boatos estão circulando em relação a Marvel. O que parece ter acontecido foi um rompimento entre os departamentos de TV/Comics e o Marvel Studios (responsável pelos filmes). O motivo poderia ser o excêntrico CEO da Marvel Ike Perlmutter. Segundo Kevin Feige, CEO da Marvel Studios, a relação de ambos foi acompanhada de “diversos anos de frustração”, o que o levou a expressar esses sentimentos ao Chefe da Disney, Alan Horn. Com o rompimento, Feige responde diretamente a Horn.

E não é de hoje que a personalidade, considerada por muitos detestável, de Perlmutter é evidenciada. Em 2014 o Hollywood Reporter publicou uma matéria explicando como o CEO ajudou a Marvel a se transformar numa espécie de “corja” de Hollywood. Perlmutter, hoje com 73 anos já passou do tempo de fazer o que deveria há um bom tempo: se aposentar.

 

Discuta a Notícia aqui no site
Disponibilizamos este espaço para comentários e discussões das notícias e conteúdos apresentados aqui no site. Pedimos que o usuário por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada, e principalmente, saiba respeitar a opinião dos demais. Vamos construir boas discussões, não brigas e confusões. #Pas

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.


Obrigado por compartilhar. Assine nossas redes: